top of page
  • ronierigomes

Saiba como garantir um bom planejamento de coleção!




Todo e qualquer investimento feito na moda e nos lançamentos de coleções precisa contar com um plano bem elaborado. É a partir dele que é possível garantir a redução de imprevistos e erros, além de facilitar que decisões mais assertivas sejam tomadas. A pergunta que fica é: você sabe fazer um bom planejamento de coleção?


Não existe muito segredo para criá-lo, mas também não é possível que seja feito em um passe de mágica. Por esse motivo, neste post, mostraremos alguns dos principais pontos que não podem faltar em um bom planejamento para a criação de uma coleção de moda. Confira!


Definição de orçamento


O primeiro passo para fazer um planejamento de coleção de sucesso é definir o orçamento disponível para todo o processo. Ao realizar essa análise logo na etapa de criação, você consegue mais assertividade e, assim, maior segurança nas tomadas de decisão em relação à produção das novas peças — no caso, se serão produzidas em larga escala ou não.


Além dos gastos com a fabricação das peças, é preciso ter em mente que uma parte do orçamento precisa cobrir as despesas com publicidade. Isso porque de nada adianta criar uma coleção incrível e, no final do processo, descobrir que não sobrou dinheiro para divulgá-la de forma satisfatória.


Por esse motivo, uma boa dica é fazer o cálculo total do orçamento disponível para a criação da coleção e dividi-lo de acordo com cada etapa do processo. Dessa forma, você garante a cobertura de todos os gastos e sabe exatamente onde investir cada centavo disponível sem desperdícios.



Estudo de tendências


Uma das formas de inspiração para criar uma coleção de moda é pesquisar de modo mais profundo as tendências desse mercado. Esse tipo de pesquisa, juntamente ao estudo do comportamento e do consumo do seu público, pode funcionar como um bom guia para as suas criações.


Um bom lugar para pesquisar tendências é o Pinterest. Essa rede social bastante imagética reúne imagens sobre inúmeros assuntos e a moda é um deles. Ao analisar as fotos, é possível perceber quais tecidos e estampas estão sendo mais utilizados na época do lançamento da coleção, assim como os acessórios e os materiais.


Já a Pantone Color Institute produz pesquisas e relatórios de mercado em relação à moda. Anualmente, uma análise é feita sobre as mais importantes semanas de moda do mundo e as cores que serão tendências nas próximas estações são divulgadas. É uma boa ideia ficar de olho!



Oportunidade para o lançamento


Um dos pontos cruciais para o planejamento de uma coleção de moda é descobrir o tempo certo para realizar o seu lançamento. Como esse mercado é baseado em mudanças — que acontecem muito rápido, diga-se de passagem —, é imprescindível definir o tempo certo para lançar as peças. Isso porque de nada adianta todo o trabalho despendido na criação e se for lançada fora de época, quando as tendências utilizadas já estiverem ultrapassadas ou quando não houver mais interesse por parte do público.


Para não correr esse risco, uma solução é seguir o calendário de moda, que é baseado nos grandes desfiles das semanas de moda do mundo. Esses eventos costumam ditar todas as tendências das próximas estações e as coleções, geralmente, são lançadas 6 meses depois deles.


Com isso em mente, já é possível se planejar para não perder o tempo certo de lançar as peças da nova coleção. Aproveite todo o poder da internet para também ficar de olho no que acontece no mercado da moda internacional. É possível tirar muita inspiração de lá!


Comportamento do mercado


Um dos passos mais importantes no planejamento de uma coleção de moda é a observação do ambiente em que a marca está inserida. É preciso saber quais são os principais concorrentes — diretos e indiretos —, as oportunidades que o mercado oferece e, principalmente, qual é o diferencial que os seus produtos têm a oferecer.


Ter conhecimento aprofundado de todos esses dados ajudará você a definir os melhores produtos para a sua coleção. Além disso, também será possível ter uma boa noção sobre qual a quantidade ideal de cada item, os tamanhos, os preços, o melhor estilo e os melhores meios de divulgação.


Outro ponto essencial na pesquisa para a criação da coleção é saber quais são os melhores fornecedores da matéria-prima necessária para a confecção dos itens. É preciso dedicar um bom tempo para encontrá-los porque, do contrário, você acabará colocando peças com baixa qualidade no mercado e isso trará um efeito muito negativo para a sua marca.


Estudo e entendimento do público-alvo


Além de um estudo completo sobre o mercado, é preciso entender quem são seus consumidores. Com uma boa pesquisa, é possível saber exatamente quem são os clientes que já compram da sua marca, assim como definir quem é o público-alvo da nova coleção.


Existem algumas estratégias para realizar essa tarefa, mas a definição da persona é uma das mais efetivas. É ela que representará o perfil ideal do consumidor da sua marca, sendo baseada em características dos compradores reais dos seus produtos.


Todo esse conceito é muito mais abrangente do que o de público-alvo e, na realidade, é muito mais preciso e certeiro. A persona permitirá que sua coleção atinja os verdadeiros clientes — e não somente pessoas que curtem posts nas redes sociais sem comprar seus produtos. Além disso, esse estudo mais aprofundado permite que você entenda o que, de fato, elas estão procurando.



Elaboração de briefing


O briefing funciona como o alicerce de um produto — ou de uma coleção, no caso — e, por esse motivo, é de extrema importância. Por meio dele, é possível montar painéis de inspiração e dar andamento ao trabalho como um todo.


Nesse documento, todas as informações são inseridas, como os objetivos do projeto, quem é o público-alvo e outras prioridades que sejam importantes para o desenvolvimento da coleção. No caso específico da moda, o briefing conta com informações como o mix de produtos e de moda, além do tempo de execução e de comercialização das peças. Tudo isso para dar andamento ao desenvolvimento da coleção de forma mais simplificada.



Avaliação e monitoramento de resultados


Engana-se quem pensa que a criação de uma coleção de moda termina quando os produtos são lançados. Para garantir que todos os processos tomados tenham sido coerentes e para analisar o projeto como um todo, é preciso fazer uma avaliação de todos os resultados — tanto em questões quantitativas quanto qualitativas.


Além de fazer a mensuração dos lucros e da recepção dos consumidores em relação às novas peças, uma boa dica é pedir um feedback para a equipe que esteve envolvida em todos os processos de criação. Isso não somente demonstra que você está aberto para ouvir propostas de melhorias, mas também cria a oportunidade de que os próximos lançamentos sejam ainda mais efetivos.


Como você pôde perceber, fazer o planejamento de coleção demanda tempo e bastante esforço, que serão recompensados no final. Com todas as dicas apresentadas, a criação pode ser feita com o mínimo de erros possível e com tudo o que é preciso para manter a qualidade do que foi feito.


Gostou do assunto do post? Então, entre em contato conosco e descubra o que podemos fazer para ajudar você no seu planejamento!


20 visualizações0 comentário

Comentários


bottom of page